Letramento racial: a importância de formar educadores antirracistas

  • Conversa com especialistas
  • Formador: Fábio Da Silva Conceição
  • Turma: 22VERACE01
  • Inscrições abertas!
  • Agenda: 21/01/2022
  • Carga Horária: 2 horas
  • Horário: 18h30
  • Valor: ATIVIDADE GRATUITA

Nos últimos 20 anos muito se tem produzido sobre o racismo e suas consequências. Também foram aprovadas nesse período leis que há muito vinham sendo reivindicadas pelo Movimento Negro. As políticas afirmativas com recorte racial e as leis 10.639/03 e 11.645/08 são exemplos importantes. Ainda assim,  o racismo em pleno século XXI continua fazendo suas vítimas e invisibilizando as epistemologias, saberes e sabenças dos povos indígenas, africanos e seus descendentes. Educadores e escolas  comprometidas com a formação de sujeitos críticos, conscientes e com capacidade de intervenção positiva e transformadora na sociedade, precisam assumir uma postura antirracista

Letramento racial, de acordo com a Professora Lia Vainer Schucman é uma forma de responder individualmente às tensões raciais e busca reeducar o indivíduo em uma perspectiva antirracista. 

A proposta da conversa é explicitar os fundamentos do letramento racial e dessa forma contribuir para a formação de educadores capazes de aliar discurso e práticas antirracistas nos espaços escolares e fora dele.


Fábio Conceição - Educador Antirracista - Professor de História da Educação Básica - Coordenador do Comitê Antirracista da Escola Parque/Rio - Mestrando do Programa de Pós Graduação em Relações Étnico-Raciais - CEFET/RJ.

Data: 21 de janeiro de 2022

Horário: das 18h30 às 20h30

Carga horária: 2 horas

Para receber o certificado é necessário estar online na transmissão da conversa. Além disso, é preciso fazer uma breve avaliação sobre o conversa (link será enviado por email).

ATENÇÃO: A mera inscrição não garante o recebimento do certificado.

Carga horária certificada:  2 horas

Centro de Formação da Vila - 2021
Tema desenvolvido por EVERSOFT